Uma prática de yoga rápida e descomplicada para fazer em casa.

Todos vivemos a correria do dia a dia e sentimos  dificuldade de incluir em nossas rotinas, algo que julgamos ser importante para nós. 

O yoga é uma destas questões, daí a ideia de sugerir uma prática para fazer em casa, bem rápida, por volta de 10 minutos, descomplicada, mas nem por isso sem o valor ou efeitos que o Yoga pode nos proporcionar.

Lembre-se, yoga é estar presente, manter-se o máximo possível no aqui e agora, percebendo nosso padrão mental, respiratório e corporal . 
É um momento de posse de si. Condição mais importante que o tempo que a pratica terá .

Permaneça por 3 respirações em cada postura (asana)


Inicie em :1/ Pranâmâsana.  Feche os olhos, traga a sua consciência para seu corpo, mente espírito.  

Inspire em 3 tempos e expire em 6 tempos, sempre pelas narinas.  Inspire/ expanda o abdome.  Expira/ retrai o abdome. Observe como flui a atividade respiratória pelo seu corpo, sua atividade mental, como seus pensamentos surgem, se conectam a novos conteúdos…



Após este breve aquietamento, e agora mais centrado em si mesmo, com maior percepção do aqui e agora, vá para a postura de equilíbrio2/ Talâsana.



Eleve braços e as pontas dos pés ao mesmo tempo, fixe o olhar em um ponto a frente para facilitar o equilíbrio.  






Faça uma inclinação lateral de um lado e do outro com  3/ Cakrâsana
Observe a lateral do corpo, sua respiração.
Cuidado para não movimentar o quadril . 





Faça uma extensão da coluna em 4/ Hastottânâsana. 
Aqui, se tiver problemas na coluna, não force e não fique por muito tempo.









Passe para a flexão da coluna em  5/ Padahastâsana. Relaxe com inspirações e expirações lentas. Neste asana (postura) permaneça por mais tempo. 
Prepare-se para sentar.

Fique em  6/ Utkatâsana














Expirando faça uma torção  da coluna 7/ Vakrâsana. 
Repita para o outro lado.








E se não tiver problemas cardiovasculares, AVC, glaucoma, Pressão arterial elevada, ou problemas de coluna , passe para /Halâsana, ou outra invertida que dominar.






Descanse,  em 9/ Shavâsana
Solte todo o corpo, relaxe ao expirar. Aqui há dicas e Uma seleção de músicas para seu relaxamento (Yoganidra) é só clicar.



Prepare-se para os respiratórios sentando-se em uma postura confortável, mas com a coluna ereta.

A sugestão é a respiração quadrada (chaturanga pránáyáma)

Inspire em 4 segundos.
Retenha o ar nos pulmões por 4 segundos.
Expire em 4 segundos.
Permaneça sem ar por 4 segundos.

Faça 5 ciclos deste respiratório.
Mas atenção execute dentro da medida do seu conforto e sem exageros.
Se quiser outra dica de pranayama (respiratório ) vá ate : Aprenda uma técnica de respiração do Yoga para se equilibrar .

Agora, com corpo, mente e espírito mais calmo e mais centrado, prepare-se para meditar.
Concentre-se em seus batimentos cardíacos
Pensamentos virão, não de atenção ou alimente conteúdos. Volte para a sua sensação interna , gentilmente.
Proponha-se a meditar por 1 minuto. veja este pequeno video com orientações bem simples:Meditação em 1 minuto (vídeo)

Pronto! Agora é só criar o hábito e praticar sempre .
Se quiser dicas de : Dicas para praticar Yoga em casa e manter a disciplina. (1˚ parte) 
Dicas para praticar em casa e manter a disciplina: Tenha um caderno (2˚ parte) xereta lá.
Outra sugestão de prática? Passe aqui: Sugestão de uma prática de yoga básica.  ou Yoga ao acordar. Para praticar ainda na cama.

Matéria de Jakeline Mejorado. 
Quer saber mais e receber nossos artigos, curta a nossa página aqui no FB. https://www.facebook.com/YogaNaPratica

7 comentários:

  1. Que legal, sempre quis um site assim... vou começar a praticar tudo já rs Muito boa as explicações. Parabéns pela sua atitude!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Lila Cristian!!!
      Ótima pratica pra você!

      Excluir
  2. Tentei as posições, mas a 5 e 8 nao consegui. A 5 minha perna n fica esticada e minha mao nao vai ate o pé e a 8 meu pé n toca o chao. Estou fazendo errado por meu corpo ser duro ou a prática leva a perfeição ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Leide, a ideia da sugestão é inspirar a prática em casa mas sem desconsiderar a supervisão de um instrutor qualificado para orientar a correta execução de técnicas e avaliar se o que ocorre é por erro ou devido a adaptação corporal. Sempre é possível encontrar aulas gratuitas, procure pela internet algo em parques ou SESC, ou algum espaço que ministra aulas em yoga. Abraços!

      Excluir
  3. Por quanto tempo recomenda-se manter cada posição?

    ResponderExcluir
  4. Parabéns pelo blog muito bem explicado e de fácil entendimento.

    ResponderExcluir